Psicografia – Felicidade Hoje : Paz Interior!

Queridos irmãos,

Segue com muito amor, uma linda mensagem psicografada , enviada pelo querido Irmão Matheus da Colônia Espiritual Maria de Nazaré

Que possamos ser gratos a todo amparo e carinho que esses amados irmãos nos proporcionam

Felicidade Hoje : Paz Interior!

 

Felicidade Hoje: Paz Interior!

Meus amigos, trazemos neste nosso momento de reflexão nossa busca desesperada pela tal felicidade. Felicidade essa que se traduz na concretização de nossos anseios mais íntimos e antigos, os quais carregamos ao longo de nossas jornadas de reencarnações, com objetivo a nossa evolução.
Assim podemos decompor a Felicidade como a somatória de nossos anseios pela paz, serenidade, alegria e plenitude.
Observemos a complexidade dos elementos que compõe a tal famosa e desejada felicidade. Seria muita pretensão, dentro de nossas limitações e imperfeições, nos julgamos capazes de vivenciá-la em todos os instantes de nossa caminhada, não acham?
Mas enquanto ainda não somos capazes de usufruí-la por inteiro, o que fazemos? Estamos destinados então a viver a incerteza, a ansiedade, a dor e o vazio? Será isso que o Pai, nosso Criador, projetou e deseja para nós?
Afirmo com toda convicção e certeza absoluta que Deus nos criou para vivermos o Amor em sua forma mais plena e assim a felicidade sem limites.
Mas esta afirmação não se contradiz com o que vivenciamos no presente?
Respondo novamente que não. Quando pensamos assim estamos mais uma vez nos equivocando.
Vamos agora lentamente, ir absorvendo o conceito real de felicidade. Vejam que sugeri lentamente, pois a felicidade não é algo que possa ser experimentado sem a interiorização, sem o processo gradativo de aprendizado.
Iniciamos colocando que felicidade não é um sentimento, mas um estado de alma. A diferença entre um sentimento e um estado de alma, é que o primeiro nasce e muitas vezes nem nos damos conta de como e porque, enquanto que o segundo necessita de ação, de vontade e disponibilidade para o aprendizado.
Vamos então iniciar a decomposição da felicidade pelo estado de paz da alma.. Sendo um estado de alma, a paz vai além do momento da ausência de guerras exteriores, concordam? Pois ela nasce dentro de nós primeiramente para depois ser exteriorizada.
Paz é aquele estado de alma onde percebemos a satisfação de nos sintonizarmos com nossa consciência, sem acusações, sem lamentações, ou seja, sem guerras interiores. Quantas vezes ao longo do dia nos sentimos assim leves? E por que não conseguimos ampliar esses momentos?
Acredito que nos falte ainda a percepção da luta que travamos em nosso interior com aquilo que somos e aquilo que gostaríamos de ser e dessa forma deixamos de vivenciar o presente.
Lembremos que somente podemos mudar e adequar a caminhada quando sabemos onde estamos e onde queremos chegar. Vocês sabem em que ponto se encontram na caminhada? Sabem ainda para onde estão indo e onde querem chegar?
Sem a paz interior, não é possível vivenciar a felicidade.
Vamos parando com os conceitos nos permitindo essa semana refletir:
Como realmente entendemos a paz?
Como ela afeta a nossa felicidade?
O que é estar com a consciência tranquila?
Na próxima semana retomamos os outros estados de alma, a fim de nos aprofundar e entender a Felicidade Hoje. Espero dessa forma estar atendendo ao anseio de muitos que solicitam mensagens mais curtas, afim de poderem refletir mais profundamente sobre os temas.
Com carinho,
06/04/2015
Médium: Lúcia (Casa Virtual Luz Espírita)
Espírito: Irmão Matheus (Colônia Espiritual Maria de Nazaré)

Translate »