Psicografia – A Medida Certa!

Queridos irmãos,
Segue com muito amor, uma linda mensagem psicografada , enviada pelo querido Irmão Matheus da Colônia Espiritual Maria de Nazaré
Que possamos ser gratos a todo amparo e carinho que esses amados irmãos nos proporcionam

 

A medida certa!

Meus amigos, sabemos que existe para cada ser e cada momento, em todo o Universo, “a medida certa”, cabendo-nos aprender a conhecer as nossas e respeitar as alheias.
Cada criatura tem as suas particularidades, a sua identidade espiritual que a torna única e imortal dentro do que entendemos por Universo.
Fica evidente ainda, que a “medida certa” (equilíbrio) para cada um e cada situação é singular.
Às vezes, nos comparamos a outros e sufocamos o que realmente somos para copiarmos a alguém ou algo, perdendo as oportunidades de desenvolvermos nossa singularidade e fazermos a diferença a que fomos criados.
Cada qual recebeu talentos próprios e de extrema importância, que quando utilizados na “medida certa” agregam imenso valor ao todo. Somos todos Um, unidos pelas teias da vida, lembram-se?
Portanto, não existem talentos superiores ou inferiores. Não existem trabalhos de importância maior ou menor. Quando desenvolvidos e executados na. “medida certa” todos são extremamente importantes.
Somos chamados, sem exceção, a compartilhar, como co-criadores, na construção do mundo de Amor, mas quantos dizem SIM? O SIM é a medida certa.
Muitos ainda que se dizem cristãos e até espíritas, se colocam num patamar mais elevado, por pensarem que possuem um “saber” superior a outras seitas, doutrinas e religiões. Puro engano e na verdade uma dose extra de orgulho e falta de humildade, onde a “medida certa”, não está sendo aplicada.
Os grandes filósofos, mestres e sábios, diziam nada saber, pois entendiam que o conhecimento que detinham era insignificante diante de tudo que ainda tinham por aprender. Mas os ignorantes se colocam como profundos sábios, pois não compreendem a dimensão do saber.
“A medida certa” do saber é quando através do conhecimento intelectual adquirido, o absorvemos. E de forma quase espontânea, os colocamos em nossas atitudes de vida. Por isso, meus amigos, ainda temos e teremos muito à aprender até que nos elevemos na condição de espíritos relativamente perfeitos.
Continuando nossos pensamentos, como mencionado anteriormente, às vezes que nos anulamos sendo cópia do outro, não estamos utilizando a “medida certa”.
Sei que alguns questionam: como podemos entender esse posicionamento em relação a copiarmos o exemplo de Jesus e de tantas outras personalidades que souberam viver o Amor e trilhar o caminho do Bem?
Iniciemos destacando a diferença entre “copiar” e “seguir o exemplo”. Quando copiamos não há o esforço do entendimento, da construção. Apenas camuflamos o que somos interiormente, utilizando-nos de máscaras para demonstrar o que gostaríamos de ser. Toda cópia, bem sabemos, não possui o valor de um original.
Quando procuramos “seguir os passos” de Jesus, buscamos o entendimento de suas ações e ensinamentos, utilizamos “a medida certa” de nossos precários conhecimentos e nosso grau de desenvolvimento espiritual, para progredirmos moralmente.
Perceberam a diferença?
A “medida certa” nos faz buscar o verdadeiro saber, que é construído , através da lapidação de nossas qualidades e dons, agregando valor ao nosso “eu crístico”.
Sugiro que esta semana, nos dediquemos a encontrar “a medida certa” para nós em cada situação que se apresente.
Com muito carinho,
29-05-15
Médium: Lúcia (Grupo Mediúnico Maria de Nazaré – CAVILE)
Espírito: Irmão Matheus (Colônia Espiritual Maria de Nazaré)

Translate »